REDES SOCIAIS  

Notícias

Willian, aprovado PRF em 2º lugar

Willian, aprovado PRF em 2º lugar

01-07-19 | Depoimentos | admin |
Bom, aqui estou eu para dar o meu sonhado depoimento de APROVADO NA PRF. 
Digamos que o sonho de ser PRF começou em meados de 2015. Sabemos que, para chegar a esse cargo, um dos requisitos é ter nível superior. Como meus pais não tinham condições financeiras de pagar uma faculdade para mim, então tive que lutar por uma bolsa no ENEM. Assim eu fiz no ano de 2015.

Concorrentemente aos estudos para o ENEM, eu estudava, também, para concurso, já que eu almejava primeiramente uma estabilidade e, depois, começaria estudar para o concurso do meu sonho: PRF. Desses primeiros momentos de estudo, conquistei, no final do ano de 2015, a bolsa no ENEM (100% gratuita); em Janeiro de 2016, passei no concurso da DPU; em Fevereiro, passei no concurso do CREA-AC; e em Maio, reprovei no INSS. Após o concurso do INSS, parei de estudar. (…) Retornei em Janeiro de 2017, quando saiu os boatos dos concursos da PM e da PC do Acre. Tais concursos tiveram aplicações de prova, respectivamente, nos meses de abril e maio de 2017. Graças a Deus, passei nos dois. Novamente, a partir do concurso da PC-AC (em maio de 2017), parei de estudar. (…)  
Agora surge a pergunta: ”Por que parei de estudar alguns períodos?” Bom, eu parei porque estava esperando convocações para entrar em exercício nos concursos que tinha passado, em especial o da DPU e o da PM. (…) Eu já estava trabalhando no CREA-AC, mas a remuneração não me deixava com os pés no chão (OBS: amei o tempo que trabalhei no CREA, no entanto, o quesito financeiro não proporcionava estabilidade). (…) 
Aí vem a NOMEAÇÃO da DPU em MARÇO DE 2018. Nossa!!! Fiquei muito feliz com essa convocação, já que eu sabia que dessa vez eu poderia começar a estudar para o concurso do sonho: PRF. 
Quando comecei estudar em Março de 2018, bateu um desespero, mas ao mesmo tempo uma felicidade. Eu sabia que o concurso estava prestes a sair e que meu tempo diário para estudo era curto, porquanto tinha que trabalhar e estudar. Trabalhava 6 horas diárias; nesses dias, estudava entre 4 e 6 horas líquidas. Em feriados e finais de semana, estudava entre 8 e 10 horas líquidas. Lógico, tinha vezes que eu extrapolava (12 horas) e outras eu fraquejava (2 horas), mas raramente deixava de estudar. Lembro que, em 10 meses, apenas 2 dias eu não estudei nada. Todos os outros eu estudei. (…)
Quanto ao modo de preparação, eu tive que ”cortar atalhos”. Sabia que tinha que fazer SIMULADOS DE QUALIDADE. Em pesquisas no instagram, vi algumas pessoas da área de estudo postando fotos de simulados do PROJETO MISSÃO. Então, fiquei curioso e pesquisei sobre. Quando vi a dinâmica do projeto e os modelos de simulados, nossa, fiquei muito interessado. Então comprei o projeto de 12 simulados. Ao fazer o primeiro, já percebi que os PROJETOS MISSÃO focavam 100% na banca e no modelo de prova. Vi que eles são profissionais no que fazem e que eu estava no caminho certo. Outro ponto importante dos simulados, foi os temas de redações abordados pelo MISSÃO. Eram muito fixados e parecidos a provas do CESPE. E isso é extremamente importante. E não para por aí. O MISSÃO se compromete a corrigir a redação com uma análise detalhada das suas deficiências na escrita e nos argumentos. Lógico, isso não é de graça! Kkkkk… Mas o custo benefício é enorme. (…)
Resumindo: chegando à época da prova, nos últimos simulados, eu estava fazendo entre 80 e 100 pontos líquidos. Nas redações, fazia entre 14 e 18 pontos. E no dia da prova do CESPE, fiz 95 na objetiva e 19,66 na discursiva, notas as quais me deram a 2º COLOCAÇÃO NO ACRE. Eu não estudei FÍSICA nem MATEMÁTICA. Deixei quase todas as questões em branco dessas matérias, com exceção de uma questão de matemática que estava muito fácil. NÃO FAÇAM ISSO EM, ESTUDE TODAS AS MATÉRIAS. Kkkkk (…)
Por fim, só tenho a agradecer a Deus pela conquista e aos PROJETOS MISSÃO pelo comprometimento conosco, seus alunos. Obrigado MISSÃO. Parabéns pela qualidade!!! 
E uma mensagem àqueles que estão na luta, NÃO DESISTAM. Faça muitas questões e simulados. Não abonem o treinamento para a redação. Estudem todos os dias, seja 10 ou 2 horas por dia, mas estude!!! Força…..

Compartilhe nas Redes